sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Atitudes que não podemos ter

Tema: Atitudes que não podemos ter.

 Introdução: Toda a Bíblia foi-nos dada com o principal objetivo de ensinar-nos, logo, o livro do profeta Jonas, tem também lições preciosas que vamos compartilhar aqui. E essas são algumas lições apenas. Essas lições dizem que não podemos ser:

1.       Maliciosos - Jonas 1:1-2

Malícia é Inclinação para o mal é também intenção maldosa; a malícia se caracteriza por hipocrisia (Mt 22:18), injustiça, perturbação, engano (At 13:10), gritaria, amargura e ira (Ef 4:31), palavras torpes (Cl 3:8), imundícia (Tg 1:21). A biblia nos ordena a ser crianças na malícia (I Co 14:20), a despojar-nos dela (I Pe 2:1). A malícia caracteriza uma pessoa ímpia (Pv 14:32). Quando a biblia diz que Nínive era maliciosa, está dizendo que Nínive era dentre outras coisas: Hipócrita, injusta, ímpia.

2.       Fujões – Jonas 1:2

Társis aponta um lugar de fuga aqui. Jonas se levantou para fugir de Deus e foi até Társis. Társis era muito influente na época do A.T. se impotava de lá: ouro, madeira,  ferro, estanho e chumbo (Ez 27:12). Era um importante centro comercial. Aponta para tudo que quer tomar o lugar de Deus em nossas vidas, mesmo que isso seja
“Justificável”. A biblia diz que Jonas fugiu tendo como pretexto os atributos eternos de Deus (Jn  4:2), não podemos culpar Deus pelos nossos erros!

3.      Consentir com tudo. -  Jonas 1:5,10

Os marinheiros aqui consentiram com o mau comportamento de Jonas e sofreram perdas da carga do navio (Jn 1:5 a). Toda vez que nós consentimos com algo  contrário a palavra de Deus sofremos perda. A biblia diz que os marinheiros sabiam que Jonas vinha fugindo do SENHOR (Jn 1:10). Você tem consentido com algum mau hábito em sua vida? Você tem consentido com algum pecado?

Conclusão: Os sacerdotes do Senhor foram postos para fazerem distinção entre o santo e profano (Lv 10:8-11). Você como sacerdote do SENHOR, tem feito distinção entre o santo e o profano em sua vida? Se não por que?