terça-feira, 13 de novembro de 2012

NUTRIDOS COM AS VERDADES DA FÉ (3ª PARTE - A TRANSFORMAÇÃO DA ALMA)


REPROGRAME SEUS PENSAMENTOS – Romanos 12:2

Não se amoldem ao padrão deste mundo, mas transformem-se pela renovação da sua mente, para que sejam capazes de experimentar e comprovar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus
.
Todo computador precisa de um sistema operacional para funcionar. Porém, esse sistema pode se tornar corrompido, ineficiente e então se necessita de uma reprogramação de todo o computador. Assim acontece conosco, nossa mente foi programada por Deus, mas o diabo veio com sutileza e corrompeu a programação que Deus estabeleceu, assim sendo, precisamos reprogramar nossos pensamentos. Paulo escreveu essa ordem a uma igreja já fundamentada na fé, então está claro que todos precisam se reprogramar, do maior ao menor. Quando essa reprogramação acontece?

I. Não seguimos os padrões do mundo caído.

A palavra mundo aqui significa tudo o que está sobre o comando de Satanás. O mundo tem seu corpo de doutrinas; ele tolera e propaga fornicação, adultério, mentiras, corrupção, assaltos, assassinatos, pornografia, vícios, jogos e etc. Mas quando nos livramos da corrupção que há no mundo por conhecer o Senhor tudo o que era tolerável passa já não ser mais. Aquele que furtava não furta mais e agora trabalha para ajudar os necessitados, aquele que se embriagava não se embriaga mais e agora se enche de Deus, aquele que mentia não mente mais e agora ele diz a verdade. Deus está nos chamando a viver na contramão do sistema. Se o mundo diz “beba”, Deus diz: “Abstenha-se da bebida”, se o mundo diz: “fornicação é tolerável”, Deus diz: “Santifiquem e sejam santos”. Nós estamos no mundo, mas não andamos segundo o conceito do mundo. O mundo ama baladas noturnas, Deus nos chama a fazer para ele vigílias santas. A ordem do Senhor é clara e é: Aquele que é santo santifique-se mais, aquele que é puro, purifique-se mais...

O Senhor ao comissionar seus discípulos dizia: “Negue-se a si mesmo e tome a sua cruz e siga-me”, esse conceito significa “renunciar todos os antigos padrões e receber os novos conceitos de Deus”, pois vinho novo deve ser posto em odre novo. No sermão da montanha, o Senhor re-interpretou toda a Lei, porque os homens a interpretaram erroneamente, Jesus veio estabelecer o conceito correto, ele reprogramou a mente dos discípulos. Deus nos chama a ser inovadores, Paul Cho diz a seus discípulos: “Sejam inovadores, deixem que Deus lhes fale coisas novas, não estejam presos, sejam livres no Espírito”.

Todos os grandes homens e mulheres de Deus antes de serem usados por Ele precisaram ser reprogramados eis alguns exemplos:

Abraão – estava tão conformado com a esterilidade de Sara que quando Deus o prometeu um filho ele riu do Senhor, hoje é patriarca do Judaísmo, Cristianismo e Islamismo.

Josué e Calebe – Únicos que entraram na posse de Canaã no meio de toda uma geração, porque não se ajustaram a mentalidade dos demais companheiros.

Daniel – Houve uma trama que tencionava paralisar a vida de oração de Daniel, mas ele continuou e foi honrado por pelos menos três gerações.

Existem quatro fatores de reprogramação de nossos pensamentos:

O mundo exterior – Tudo o que somos é reflexo de onde convivemos e com quem convivemos.

O mundo interior – Nossas emoções e vontade, as opiniões que acolhemos.

Satanás – Ele distorce a nossa verdadeira imagem, ele nos cega para não enxergamos quem somos e o que temos.

Deus – Nossa origem, o modelo perfeito e correto. Ele quer que tomemos seu colírio para enxergarmos como ele, as situações, as pessoas, os valores e etc.

Precisamos ser reprogramados por Deus e ele nos reprograma por pelo menos quatro meios que são:

Prática da Palavra – A Palavra é o próprio Deus, é verdadeira, é limpa, restaura, é viva, não volta vazia, liberta, cria, transforma.

Adoração – Nos tornamos semelhantes aqueles a quem adoramos ou admiramos. Quando passamos  horas com Deus mergulhados na adoração tornamo-nos seus semelhantes.

Oração em línguas – Edifica a nossa fé quando oramos os mistérios de Deus. Esses mistérios vêm codificados e a meditação na Palavra irá esclarecê-los para nós.

Comunhão com o corpo de Cristo – A Igreja em Jerusalém permanecia unida todos os dias, pois havia um só Espírito, uma só fé, um só Senhor, um só batismo.

E três são os resultados de uma mente transformada ou reprogramada:

Aceitação – Somos aceitos e amados.
Valor – Tenho alguma coisa a oferecer a alguém
Competência - "Sou capaz de fazer esse trabalho. Consigo suportar essa situação. Sinto-me capaz diante da vida."

Deixe que o Senhor reprograme seus pensamentos, pois ele implantará a verdade, nobreza, pureza e excelência.