Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2013

Reflexão sobre Teologia

Neste dia de Natal gostaria de compartilhar com vocês alguma coisa a respeito da Teologia Cristã Protestante. Pois Teologia no seu sentido mais puro é “assunto a respeito de Deus”. Fato é que todas as pessoas em todo lugar, em qualquer época, tem sua teologia, quer reconheçam isso quer não.
Não é meu objetivo aqui, esclarecer neste dia de Natal, se Jesus nasceu ou não nessa mesma época, ou o que significam os símbolos e datas que vieram a estar ligadas ao Natal. Quem sabe faço isso em outro momento. Meu objetivo aqui é incentivá-los a terem uma fé racional, que sabe os fundamentos bíblicos e históricos que professam. Não tenciono ser exaustivo nesse pequeno escopo, mas quem sabe, contribuir um pouco para que nossa geração esteja mais bem informada a respeito da fé e da história da Teologia da Cristandade.
A primeira coisa a dizer é que osurgimento Histórico da Teologia não foi especulativo ou porque não tinham mais o que fazer. A teologia surgiu por uma necessidade de defender o Cri…

Sola Scriptura: Passando pelo crivo da Palavra de Deus

O apóstolo Paulo diz que toda Escritura tem a função de ensinar, repreender, corrigir e educar os eleitos de Deus. Essa foi a grande redescoberta de Jerônimo Savonarola, dos Valdenses, dos reformadores e precisa ser a nossa redescoberta novamente. Pois o Evangelho pregado hoje está eivado de misticismo. O Evangelho de hoje está adulterado, mercadejado.
Algumas provas cabais que o evangelho pregado atualmente está eivado:
1.Cada um pensa o que quer
Quando a Escritura diz que na Igreja Primitiva era uma só a mente dos discípulos. Todos tinham a mesma forma de pensar. Quando a Escritura diz: “Todos tenham o mesmo sentimento, tenham um mesmo parecer”. Isso se deve em parte as Escolas de Interpretação de Alexandria e Antioquia. A escola Alexandrina interpretava as Escrituras alegoricamente, já a Escola Antioquena interpretava histórico-gramaticalmente. 
Cada método de interpretação trouxe um entendimento diferente das mesmas passagens bíblicas, gerando assim conflitos hermenêuticos que pe…

O Cânon do Antigo Testamento

O Cânon do Antigo Testamento
Divisão Tríplice:
1.Lei, Profetas e Escritos – Lucas 24:44
Elias, levita, escrevendo em 1588, fala da crença que o povo tinha, dizendo: “No tempo de Esdras os 24 livros ainda não estavam unidos em um volume. Esdras e seus associados fizeram deles um volume dividido em três partes, a lei, os profetas e a hagiógrafa.” Esta tradição contém verdades. Se pode ser aceita em todos os seus particulares, isso depende de determinar a data em que certo, livros foram escritos, tais como Neemias e Crônicas.
Há três traduções universalmente reconhecidas do Cânon do Antigo Testamento e cada qual segue um arranjo e coleção de livros diferentes.
O Texto Grego (LXX)
A Vulgata (Latina)
O Texto Massorético (TM)

O texto Grego segue um arranjo temático e tem catorze livros e adições que não constam no TM, que posteriormente foram reconhecidos como Apócrifos.
Divide o texto em quatro pilares: 1) Lei; 2) História; 3) Poesia 4) Proféticos.
A Vulgata segue o mesmo arranjo que o texto G…

Sermõezinhos geram Cristãezinhos

John Stott já dizia "Sermõezinhos produzem cristãezinhos"; essa é a verdade que se vê na maioria das denominações hoje: pregadores rasos entregando mensagens rasas, consequentemente gerando um povo raso. Gerando pessoas desqualificadas para suportar a pressão, as tentações, as provações, as turbulências que vem inevitavelmente.

Pregamos muito sobre prosperidade, cura, unção, restituição, conquista e nada disso é errado, desde que não ocupe todo o tempo, desde que não esgote todo o esforço. É necessário que preguemos também sobre o sofrimento, sobre a tribulação, sobre as tentações, pois são assuntos igualmente bíblicos.

Temos o mau costume de enfatizar um tema em detrimento de outro. Precisamos pregar 'todo o conselho de Deus' que inclui o sofrimento. 

"O maior inimigo do cristianismo não é o anticristianismo, mas o 'subcristianismo'" (Stanley Jones). O nosso maior problema não são as heresias, o nosso maior problema é a nossa negligência em preparar u…