Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2014

A IGREJA PERSEGUIDA PELO IMPÉRIO ROMANO

Estamos retomando a série sobre Teologia Dogmática. Já falamos sobre a: Igreja Apostólica, já falamos sobre Heresias na Igreja Primitiva e agora falaremos sobre a Igreja Perseguida.

A Igreja enfrentara dois níveis de perseguições: Um interno e outro externo.  Interno à Saduceus, Fariseus, Herodianos... (Atos 5:17-18; I Tessalonicenses 2:15). Externo à O Império Romano. Voltaremos nossa atenção às perseguições desencadeadas pelo Império Romano, em cerca de 200 anos seguidos.
PERSEGUIÇÕES DE 64 – 98 dC.
A perseguição começa com uma prova forjada pelo Imperador Nero. Na noite de 18 de Julho de 64, um incêndio instaurou-se em Roma, o fogo durou seis dias e sete e destruiu dez dos catorze bairros de Roma.
Segundo alguns historiadores, o incêndio foi provocado pelo próprio Nero que lhe assistiu do topo da torre de Mecenas no alto do monte Paladino, vestido como ator, tocando sua lira e cantando versos acerca da queda de Tróia.  Logo um boato se espalhou dizendo que os incendiários tinham sidos…

POR QUE ME TORNEI REFORMADO?

Imagem
Por que me tornei Reformado
Os cinco primeiros séculos da Igreja foram muito conturbados e produtivos, conturbados, porque surgiram muitas heresias; produtivos, porque nesse tempo, Deus levantou grandes apologistas. Nesse ínterim, em meados do ano 400, houve uma disputa sobre a Salvação: sua origem, recebimento, preservação e conclusão.
A disputa girava em torno de dois protagonistas: Pelágio, um herético monge inglês nascido na Grã-Bretanha em 350 dC, que dizia que o Pecado de Adão e Eva afetava unicamente os dois e que devido a isso o homem tinha condições de sozinho aceitar ou rejeitar a Graça de Deus. A Salvação seria resultado da escolha do Livre-Arbítrio Humano. A visão de Pelágio era Sinergista, o homem dá o primeiro passo e Deus coopera com ele.
O segundo protagonista era Aurélio Agostinho, nascido em 354 na cidade de Tagaste no Norte da África, filho de mãe cristã e pai pagão veio a tornar-se bispo na cidade de Hipona…
Imagem
O verdadeiro Evangelho é aquele que exalta Deus e humilha o homem. Exalta a Deus o mais alto possível e humilha o homem mais baixo possível. Evangelho é Evangelho quando se confirma com o que está na Escritura e não com opiniões humanas. A ordem bíblica é "Façam tudo para a Glória de Deus", inclusive pregar o Evangelho para a maior Glória de Deus, nada de Antropocentrismo! Deus é o Centro de Todas as Coisas; só Ele é o Ser Necessário, todos os demais são contingentes. A Glória Somente a Deus!

Um tratado apologético! - Resgatar a doutrina da Eleição é Necessário!

A DOUTRINA BÍBLICA DA ELEIÇÃO DIVINA
O presente artigo é apologético, haja vista que é uma resposta pessoal a um artigo visto na internet que enfatiza a sexualidade como meio de ‘evangelismo e salvação’. Onde, inclusive, existe ‘filme pornô cristão’ e ‘date to save’ (Saiam com rapazes para apresentar-lhes a salvação). Sob interpretações grotescas da Escritura, os adeptos dessa teologia fajuta dizem ter respaldo bíblico para tais ações. O suposto argumento bíblico transcrito no site: Romanos 12:1 diz: “ROGO-VOS, pois, irmãos, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo”. Desde que nossos corpos são o templo do Espírito Santo (1 Coríntios 6:19), faz sentido que devamos usar nossos lindos corpos para glorificar o nome Dele através do namoro, e o Espírito Santo fará o resto uma vez que Ele é a parte mais forte em nós, certo? Essa é a melhor maneira de começar o trabalho! Bom, vamos lá! Por que repudiamos tal movimento? Fere o princípio de santidade exposto na Palavra de Deus; L…

História da Igreja - 1 ª Parte - A Igreja apostólica - Heresias na Igreja Primitiva

HERESIAS: UMA DISTORÇÃO DA VERDADE REVELADA
Há uma lista interminável de heresias e elas continuam crescendo até hoje. Não tencionamos alistar aqui todas as heresias, mas classificamos as heresias em cinco grupos:
1.Negações da humanidade de Cristo 2.Negações da Divindade de Cristo 3.Negações da distinção entre Pai e Filho 4.Negação da União Pessoal de Cristo 5.Outras Heresias
O que é heresia?
Heresia provém do grego Hairesis que originariamente significa “escolha, facção, preferência pessoal”. Ao longo do tempo adquiriu o significado de “ponto de vista contrário a sã doutrina”. O termo grego hairesis ocorre no Novo Testamento em passagens como: Atos 5:17; 15:5; 24:5,15; 26:5; 28:22; 1 Coríntios 11:19; Gálatas 5:20; 2 Pedro 2:1. Algumas vezes a versão portuguesa traduz hairesis como “seita”.
Existe um ramo especifico que estuda as seitas e heresias chamado de “Heresiologia”.
Por que estudar seitas e heresias?
O Rev. Hernandes Dias Lopes diz: “Quem não aprende com a história repete seus erros…